Com a pandemia a população ficou muito mais dependente dos eletrônicos, como tablets, celulares, smartphone e computadores. Logo a exposição a luz violeta aumentou e por ela ser nociva a visão é salutar um check-up ocular. Os cuidados com a saúde ocular e o atendimento por um oftalmologista são importantes para proteger a visão, e, por isso, é fundamental que sejam realizados periodicamente.

De acordo com o oftalmologista, Daniel Silveira, a preocupação com as crianças e adolescentes é maior diante do uso excessivo de eletrônicos. “Algumas consequências são espasmos do músculo ciliar, assim como o músculo que faz o relaxamento do cristalino pra longe e a sua contração de perto. Além de uma pseudo miopia, já as crianças que são míopes, podem aumentar o grau, bem como o embaçamento visual, a fadiga, o cansaço, que pode gerar uma certa cefaleia e também a síndrome do olho seco” pontuou o médico.

O especialista explica que durante as atividades com eletrônicos as pessoas têm uma menor frequência do piscar, ocasionando uma exposição maior ao ar do ambiente. “Geralmente as pessoas trabalham diante de ventiladores, ar condicionado, locais que possuem vento e isso pode prejudicar mais ainda o olho seco”, destaca Daniel Silveira.

Além disso, também é importante ficar atento aos problemas visuais que podem ocorrer em cada fase da vida, e procurar um especialista para buscar orientação profissional sobre a melhor medida preventiva, ou qual o tratamento mais indicado para você e sua família.