ambliopi123a

Além de todas as obrigações dos pais com o início do ano escolar dos filhos, eles devem estar atentos a mais um problema que pode passar como despercebido: a dificuldade de enxergar que, quando não tratada, pode afetar o rendimento escolar das crianças. Uma das principais situações que, na maioria dos casos, não é notada é a ambliopia, conhecida como visão preguiçosa.

 

Geralmente, os filhos nascem com o déficit de visão, mas ninguém nota porque ele está enxergando “normal”. Mas, em um teste, quando se fecha um dos olhos que tem a melhor visão, o outro possui dificuldade parcial ou total de enxergar.

 

Decorrente de um problema anormal no desenvolvimento da visão nos primeiros anos de vida, a doença pode até levar à cegueira dos dois olhos, em casos avançados da doença. A principal causa de déficit de aprendizado é a dificuldade na visão, por isso muitas vezes o diagnóstico é tardio. A ambliopia deve ser diagnosticada até os sete ou oito anos, idade máxima que a visão ainda se desenvolve. Como tratamento, o mais comum é a oclusão da melhor visão com tampão, com variações de tempo de uso de acordo com cada caso, para estimular o outro olho a enxergar melhor. 

 

Outras doenças como a miopia, dificuldade de enxergar de longe, e a hipermetropia, quando o problema é para leitura de perto, também trazem dificuldades na escola quando não detectadas. É muito importante que os pais fiquem atentos aos sintomas, como lacrimejamento, falta de interesse pelas pessoas, secreção ocular, dores de cabeça, franzimento da testa e observar se a criança se aproxima muito do caderno ou livro na hora de escrever ou ler.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: olhossaudaveis